FelipeAldenir
Active Level 4
Galaxy Fold 2 pode sair em fevereiro de 2020 e custar "só" US$850

Novos detalhes a respeito dos próximos smartphones dobráveis da Samsung foram divulgados em um documento da Coreia do Sul obtido pelo jornal The Korea Herald. E ele praticamente confirma que a fabricante vai mesmo lançar dois modelos de tela flexível em 2020.

O primeiro modelo, que já pode ser batizado de Galaxy Fold 2, deve mesmo contar com um design em forma de concha, assim como o novo Moto Razr e seguindo uma divulgação conceitual da própria Samsung. Mas o surpreendente está no valor a ser cobrado e na data de lançamento: as informações apontam que o dispositivo pode ser anunciado já em fevereiro de 2020, juntamente com a linha Galaxy S11, enquanto o preço seria de "apenas" US$ 845 (R$ 3,5 mil em conversão direta de moeda).

valor é ousado: o Galaxy Fold original é vendido a quase US$ 2 mil, enquanto o Razr, que teria o mesmo formato, foi anunciado por US$ 1,5 mil.

E o outro?

O segundo smartphone dobrável da Samsung para 2020 será uma versão "turbinada" do Galaxy Fold original, virando um tablet quando aberto. A ideia é que o modelo seja mais poderoso, com maior resolução de tela e um design aprimorado. Nesse caso, ele pode ser até mais caro que a geração anterior. O seu anúncio deve acontecer por volta de agosto, talvez um pouco antes do próximo Galaxy Note.

Segundo o The Korea Herald, foram vendidos cerca de 500 mil Galaxy Fold desde setembro — e a empresa planeja comercializar mais de seis milhões de unidades dobráveis em 2020. A página ainda cita que fevereiro de 2020 é a data escolhida pela fabricante para expandir os mercados do aparelho dobrável, com o Brasil fazendo parte da lista.

Bateria homologada

Por fim, o site NashvilleChatterclass identificou a homologação de uma bateria pertencente a um novo dobrável da Samsung, provavelmente o modelo em forma de concha.


image

Fonte da imagem: Reprodução / Nashville / Chatterclass

Ele tem o codinome "Bloom" e é o modelo SM-F700F. A bateria aparentemente será dividida em duas unidades com capacidades diferentes — sendo que uma delas deve ter 900 mAh de armazenamento de energia. O outro módulo é o que terá maior capacidade.